Programa Sul-Sul de Mercocidades seleciona 4 projetos para seu financiamento

22/11/2017

Mercocidades seleciona quatro projetos de cooperação Sul-Sul que terão acesso a um financiamento de até US$ 7.000 (dólares estadunidenses) para sua execução. Trata-se de iniciativas conjuntas entre as cidades de Santa Fe e Medellín, Córdoba e São Paulo, Montevidéu e Canelones; e La Paz e Montevidéu.


Os projetos foram selecionados por sua contribuição no cumprimento dos objetivos estratégicos de Mercocidades, os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, a Nova Agenda Urbana e sua perspectiva de resiliência. Segundo a convocatória, o apoio financeiro deverá ser utilizado para cobrir alguma/s das seguintes necessidades: assistência técnica, intercâmbios de expertos/as, estágios, fóruns/seminários/oficina, capacitação de recursos humanos, elaboração de produtos de difusão e ferramentas de comunicação.

As iniciativas selecionadas são:

- "Fortalecimento da cultura empreendedora local e da rede sócio produtiva", coordenado pela cidade de Santa Fe (Argentina) em associação com Medellín (Colômbia).

Tem por objetivo específico trocar experiências exitosas de fortalecimento da cultura empreendedora e da rede sócio produtiva entre Medellín e Santa Fe. Propõe contribuir com o fortalecimento da cultura empreendedora a nível local, entendida como uma ferramenta para incrementar o nível de ocupação com oportunidades de emprego decente, apoiando a inovação, a criatividade e o acesso a serviços financeiros.

- "Cooperação em Governo Aberto”, coordenado pela cidade de Córdoba (Argentina) em associação com São Paulo (Brasil).

A iniciativa propõe que Córdoba se interiorize sobre a experiência do portal de atendimento ao cidadão de São Paulo, conhecendo sua proposta teórica, as etapas prévias a sua implementação e seu início de funcionamento. Tem como objetivo incrementar as capacidades institucionais para o atendimento integral da cidadania de Córdoba a partir de experiências que através de tecnologias de gestão pública aproximem o Estado à cidadania e possibilitem o desenvolvimento do paradigma de governo colaborativo.

- "Mulheres em situação de deficiência, ferramentas para seu empoderamento e participação", coordenado por Montevidéu em associação com Canelones, as duas cidades são uruguaias.

O objetivo geral deste projeto é contribuir para o empoderamento das mulheres em situação de deficiência em Montevidéu e Canelones, dotando-as de ferramentas metodológicas diante a incorporação da perspectiva da interseccionalidade na abordagem da deficiência-gênero.

- "Inclui-me: Emprego e deficiência", coordenado por La Paz (Bolívia) em associação com Montevidéu (Uruguai).

Com o objetivo de visibilizar novas oportunidades para a vinculação real das pessoas com deficiência ao mercado laboral e consolidar a relação entre possíveis empregadores/as, empreendedores/as, instituições estatais responsáveis pelo tema e instituições bancárias.

O financiamento para os projetos se realiza com fundos próprios de Mercocidades, e conta também com o apoio econômico e técnico do Banco Interamericano de Desenvolvimento e da Agência Uruguaia de Cooperação Internacional.

A convocatória Sul-Sul é uma das linhas de ação do Programa de Cooperação Sul-Sul, que também realiza a cada ano uma capacitação anual para a formulação de projetos regionais.

O Programa tem por objetivos promover, visibilizar, formalizar e sistematizar ações de cooperação e troca entre governos locais de Mercocidades, em conjunto com outras organizações sociais e entidades acadêmicas.

Documentos assinados pelo Presidente de Mercocidades e os prefeitos dos governos locais selecionados, na Assembleia Geral de Mercocidades no 1º de dezembro de 2017:
Ata de Compromisso com Canelones
Ata de Compromisso com Córdoba
Ata de Compromisso com La Paz
Ata de Compromisso com Santa Fe